Blue global technology background with the planet Earth map

Como morar fora do Brasil e continuar empreendendo aqui

Quem possui um negócio próprio pode pensar que nunca poderá morar no exterior, como tantos brasileiros estão fazendo nos últimos anos, em busca de melhor qualidade de vida e menores gastos. No entanto, é possível saber como morar fora do Brasil e continuar empreendendo aqui, já que alguns negócios permitem serem administrados à distância.

Essa afirmação é ainda mais verdadeira quando o empresário possui um negócio virtual, já que continuará administrado a sua empresa de forma online. Claro que algumas questões devem ser levadas em consideração. Quem tem uma loja virtual vai ter que mudar a sua logística, ou mesmo apostar em uma mudança de segmento.

77979722-87e3-430f-b0a1-29933dfa2782

Quem revende roupas brasileiras pela internet pode ampliar as sua as vendas para o país onde pretende morar e mesmo avaliar qual a viabilidade de continuar vendendo aos brasileiros, sendo possível, inclusive, propor a uma pessoa na qual tenha confiança uma sociedade para que ela gerencie o negócio no Brasil. É uma forma promissora de ter uma filial.

Já quem revende roupas importadas terá ainda mais facilidade em adquiri-las, conforme o país onde vá morar. Porém, da mesma forma terá que fazer algumas adaptações em sua logística, talvez tendo que ter um braço direito no Brasil para receber os produtos e entregá-los, a fim de manter os mesmos valores de frete.

Esses são apenas alguns exemplos, sendo que cada caso é único e deverá ser avaliado de forma completa. Já quem não possui um negócio virtual pode encontrar mais dificuldades, pois aí sim será preciso ter um sócio ou uma pessoa que se encarregue e que além de confiável seja responsável.

Porém, você pode ser uma pessoa que ainda não tenha um negócio e deseja apostar no mercado nacional, mas também se mudar, seja por um tempo curto de tempo seja sem pretensão de voltar. Se esse for o seu caso, é preciso saber quais são os melhores nichos para investir em um negócio no Brasil.

Mesmo em tempos de crise existem segmentos que não perdem dinheiro e outros que estão crescendo com grandes chances de sucesso. Nessa hora, é importante pensar em longo prazo, já que crises são cíclicas e elas ocorrem tanto no Brasil quanto em outros países.

Dicas para morar fora do Brasil e continuar empreendendo aqui 

Além de levar em consideração como gerir o seu negócio à distância, seja tendo um sócio ou um braço direto seja sozinho, é preciso ainda avaliar aonde vale a pena morar no exterior nos dias de hoje. Os países no globo são muitos e talvez você sonhe em viver em um determinado lugar, mas é preciso ter os pés no chão e pensar se é o local ideal para morar agora e se oferece o que você procura.

Levantamentos recentes apontam que os brasileiros que saem do Brasil em busca de países onde possam viver melhor cresceu nos últimos anos e, além dos Estados Unidos, outros locais para onde estão indo são Itália, Espanha, Portugal e Japão. Não são apenas pessoas avulsas que estão migrando, mas também casais e famílias inteiras.

Quem possui experiência nessa empreitada, entretanto, lembra que alguns aspetos devem ser levados em consideração antes de decidir viver no exterior. O primeiro passo nessa hora é ter, e se não tiver traçar, um plano, por mais que você já tenha o seu negócio no Brasil, é preciso definir bem como será a sua administração a longa distância.

É de extrema necessidade ter tudo acertado. Nesse sentido, é preciso avaliar ainda quantas viagens você terá que fazer para o Brasil, caso haja a necessidade, e se programar para elas. Mesmo assim, é importante ter um plano B, saber quais as suas alternativas no caso de algo não dar certo ou não funcionar como o esperado.

Você pode ter ainda outros planos ao morar em outro país e continuar empreendendo aqui, como estudar para aperfeiçoar-se, investir no exterior também, etc. O passo seguinte é legalizar-se, embora existam pessoas que vivem de forma ilegal por muito tempo, não é a melhor forma de ter uma experiência no exterior, ainda mais se você é um homem ou uma mulher de negócios.

Porém, conforme o país que você deseja morar as coisas podem ser mais ou menos burocráticas, inclusive, nos Estados Unidos e na Europa. Quem possui cidadania de outro país ou pode providenciá-la, com certeza, vai encontrar muito mais facilidade.

Isso não significa que você deve restringir o seu sonho escolhendo apenas o país onde pode entrar com a dupla cidadania, mas se não for esse o seu caso, com antecedência, inicie todo o procedimento necessário para se mudar de forma legal.

O que levar em conta ao empreender no Brasil 

03_morar_fora_do_brasil

Por mais básico que seja é importante lembrar-se da importância de dominar ou ao menos conseguir se virar no idioma do país onde você pretende morar. Mesmo que o inglês seja a língua universal, veja se onde você gostaria de viver dá para se virar com o idioma no dia a dia. Senão, o melhor é começar a aprender a língua oficial.

Já para quem não domina o inglês nem precisa falar da importância de começar a estudar o quanto antes. Mesmo que seja possível se virar no exterior sabendo apenas algumas expressões em inglês, a sua adaptação será muito mais tranquila se tiver um bom domínio da língua.

Outra dica é ler a respeito e se informar com pessoas que já moraram ou ainda moram no país para onde você quer ir sobre como é o lugar, quais os seus costumes, hábitos, etc. Dessa forma, você evita mancadas, constrangimentos e mesmo certifica-se de que será um lugar onde você vai gostar de viver.

Fora todas essas questões práticas, é importante ser franco consigo mesmo e avaliar se você está preparado para essa empreitada, ainda mais se for sozinho, lembre-se que ficará longe das pessoas que conhece. Nesse sentido, escolher um país onde morem pessoas que são suas amigas ou conhecidas pode minimizar os efeitos da mudança e ajudar na sua adaptação.

Já se você vai sozinho, mas possui pessoas que dependem de você aqui, é preciso pensar nelas também. Nesse caso, não é uma decisão que vai afetar unicamente a sua vida. Por fim, não adianta, você tem que escolher um país que goste ou que deseja realmente conhecer.

Se você não tem muito interesse na cultura do seu destino ou se não ouviu boas recomendações, ou se tem um pé atrás, enfim, com certeza prejudicará a sua adaptação e mesmo a sua felicidade no exterior. Por mais que seja importante seguir rumo a um país economicamente estável esse não deve ser o seu único quesito.

Segmentos promissores para investir no Brasil 

 

1 – Marketing de conteúdo 

Esse nicho tende a crescer muito nos próximos anos, o que já está ocorrendo. Trata-se de produzir conteúdo de qualidade para sites diversos, seja lojas virtuais, seja mídias de notícias, conteúdo segmentado ou entretenimento.

Já que o profissional que aposta nesse segmento não se envolve nas vendas dos produtos, é possível trabalhar remotamente sem problemas.

2 – Beleza masculina

Calcula-se que o Brasil seja o segundo maior mercado de cosméticos masculinos do mundo e, assim, mesmo à distância você pode apostar nesse nicho, seja com marketing de conteúdo direcionado ou mesmo revendendo produtos para o público alvo. Já que muitos produtos consumidos no Brasil são do exterior você pode fornecer os últimos lançamentos.

3 – Educação EAD

Outro segmento que você pode gerenciar virtualmente e ainda fazer parcerias com profissionais do exterior para promover palestras e cursos aos brasileiros, em diferentes áreas do conhecimento.

Embora esse segmento seja inovador, é bem recente. Em termos de educação, o que possui ainda mais campo para investimentos é na área dos cursos profissionalizantes.

Mesmo à distância você poderá criar cursos, contatando profissionais e clientes do Brasil.

4 – Aplicativos

No Brasil, a febre dos smartphones não está perto de terminar e, por isso, desenvolver novos aplicativos para usar nos aparelhos móveis têm impulsionado o projeto de muitas startups.

Mesmo que você não seja um programador, basta ter uma ideia inovadora e útil e contratar um profissional para transformar o seu projeto em realidade.

Apps associados à saúde são os mais em alta no mercado brasileiro, como os que lembram que está na hora de meditar, de tomar água ou que ensinam a tratar ferimentos do dia a dia.

5 – Mercado gourmet

Esse é um nicho que tem crescido porque cada vez mais as pessoas encontram na culinária um hobby prazeroso e já que a ideia é inovar também se investe em alimentos e acessórios exclusivos.

Muitos produtos são importados e conforme o local onde você esteja morando pode oferecer uma série de novidades para acrescentar à cozinha dos seus clientes brasileiros.

Também é possível apostar em um determinado tipo de alimentação, como a vegetariana, oferecendo novas opções de receitas.

6 – Estética ética

Os cosméticos que trabalham com o comércio justo, responsabilidade social e que não fazem testes em animais ganham cada vez mais espaço e muito deles vem do exterior.

A cada dica cresce o número de consumidores que não se importa em gastar mais desde que tenham um produto não apenas de qualidade, mas ético. Nesse nicho, você tem muito a explorar ainda e saber como morar fora do Brasil e continuar empreendendo aqui.

Os negócios digitais facilitam a vida de quem quer ganhar dinheiro com o público brasileiro, investindo no meio ao qual está mais familiarizado, mesmo morando no exterior. Aproveite essas dicas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *